TEMAS

Os Convocadores da Conferência convidam à submissão de abstracts referentes aos seguintes tópicos, tendo em conta o tema do KISMIF 2021DIY Cultures and Global Challenges:

  • O papel/importância de espaços/locais/territórios sociais em cenas de música alternativa e culturas DIY a nível local, trans-local e virtual.
  • Género, migrações, diásporas, refugiados e movimentos artíticos e musicais.
  • Cidades, espaço e resistência contracultural contemporânea, práticas sociais e artísticas.
  • Cenas musicais, novos atores, novas igualdades: género, imigrantes e os desempregados.
  • Novas produções artísticas e musicais e intermediações que apoiam a justiça espacial e a sustentabilidade ambiental.
  • Transições em direção à sustentabilidade nas cenas DIY e novas (sub)culturas DIY sustentáveis que repensam os processos tradicionais através de uma lente–social, económica e ambiental–de sustentabilidade.
  • Movimentos ‘verdes’ que procuram melhorar a vida de comunidades locais, lutar contra desafios ambientais e promover o desenvolvimento sustentável, e suas relações com cenas musicais/artísiticas.
  • O papel dos desafios sociais, mecanismos de produção trans-locais e virtuais, intermediação e consumo musical.
  • Desenvolvimentos na teoria social em torno dos mundos das artes, campos musicais, campos artísticos e cenas musicais locais/trans-locais/virtuais.
  • Movimentos humanitários, instabilidades e desastres, memória, historicidade, genealogia e diacronia de cenas musicais/artísticas.
  • Subculturas, pós-subculturas, tribos, neo-tribos e envelhecimento.
  • Património, retromania e arquivos DIY locais/trans-locais/virtuais e desenvolvimento  comunitário.
  • Desafios/dilemas teóricos e metodológicos na investigação de diferenças artísticas por todo o mundo.
  • Micro-economias urbanas, carreiras DIY e desigualdades: formas alternativas de empreendedorismo musical, artístico e cultural.
  • Pedagogias e intervenções baseadas em DIY artístico/musical e justiça socioétnica.
  • Cenas musicais e (sub)culturas, envelhecimento, etnia e desenvolvimento.
  • Cidade, estética e gentrificação: resistir à gentrificação.
  • Crises, canções de protesto e novas dinâmicas de interação social através de música e de práticas artísticas e DIY alternativas.
  • Espaços, locais e a festivalização da cultura, música e práticas alternativas e DIY.
  • Música periférica e cenas artísticas, emancipação e justiça social.
  • Pós-colonialismo, descolonização, cenas musicais e artísticas transglobais e cidadania.
  • Investigação baseada nas artes, políticas culturais: Norte global e Sul global.
Share

KISMIF 2021 ABSTRACTS

Submeta a sua proposta até 30 de junho de 2020  AQUI!

Todos os abstracts submetidos até agora para o KISMIF 2020, serão considerados como submissão para a Conferência de 2021.

KISMIF UNDER LOCKDOWN 2020

You can access the event through the link: HERE!

INTERNATIONAL WORKSHOP + BEFORE PARTY KISMIF UNLIMITED SOUNDS