“O encanto do Porto é óbvio. É uma cidade que, de certa forma, é excêntrica. O Porto tem um carácter único: uma cidade estabelecida, com arquitetos estabelecidos, com uma cultura estabelecida. Assim, não será um único edifício que vai colocar a cidade no mapa, ela já está no mapa.” Rem Koolhaas, Arquiteto da Casa da Música

 

Segundo ABTA Travel Trends Report (2014), os turistas britânicos sempre adoraram Portugal sendo que em 2013 número de visitantes aumentou mais de 8%. Com o aparecimento de novos voos directos low cost em 2014 para as cidades de Lisboa e do Porto, os turistas têm vindo a visitar cada vez mais Portugal.

“Quão bom é o Porto?” É uma pergunta respondida neste site: oportocool.wordpress.com.

Hoje em dia, a segunda maior cidade de Portugal, é uma cidade com uma arquitetura de relevo, com igrejas barrocas e recantos maravilhosos; e já não necessita da reputação do seu famoso vinho do Porto para ser conhecida.

Um spot de vida noturna relativamente recente, na zona histórica do Porto, está repleto de música e de efervescente criatividade juntando-se à Casa da Música, um espaço de concertos deslumbrante, projetado pelo arquiteto avant-garde Rem Koolhaas.

E para os amantes de vinho: “com o surgimento da região demarcada do Douro como uma zona de vinhos premiados, e não apenas de Vinho do Porto, podem agora contar com inúmeras safras, novos e requintados restaurantes e até hotéis temáticos de vinho.”(Seth Sherwood, NY Times, 2011).

“É difícil encontrar no Porto algo que não se goste. Desde a sua deslumbrante estação de caminho de ferro Beaux-Arts, aos seus bares frescos que servem a bebida – que é o cartão de visita do Porto, esta encantadora cidade combina o melhor do antigo e do novo”.(Nell McShane Wulfhart, NY Times).

O nome de Portugal nasceu no Porto.

Apesar de ser uma cidade relativamente pequena – 41,42 km ², com uma população de 237.591 habitantes (2011) – o Porto tem uma rica e diversificada gama de entretenimento e oferta cultural que vale a pena conhecer. Para despertar a sua curiosidade, o KISMIF oferece-lhe algumas sugestões para iniciar a exploração da cidade.

Veja também Falling in love with the small but beautifully formed city, by Stephen Bailey (Independent).

Veja também  People came to make noise’: Porto’s abandoned mall turned underground music hub, by Joel Barnett (The Guardian).

Veja também Alternative Porto Guide, by Kami (Kami and the rest of the world).

 

Eating and snacking
Go out, and loose your self
Porto Trip(as)
Sleep in the clouds of Porto
Partners
Share

KISMIF 2021 ABSTRACTS

Submeta a sua proposta até 30 de junho de 2020  AQUI!

Todos os abstracts submetidos até agora para o KISMIF 2020, serão considerados como submissão para a Conferência de 2021.

KISMIF UNDER LOCKDOWN 2020

You can access the event through the link: HERE!

INTERNATIONAL WORKSHOP + BEFORE PARTY KISMIF UNLIMITED SOUNDS